sábado, 12 de abril de 2014

Fanfic "Desire And Crime"- Capítulo 4


Autora: Larissa Hale (Nyah / Larissa)
Sinopse: Edward Cullen conhecido como Antonny, é chefe da Cosa Nostra Americana com apenas 28 anos. Homem impiedoso. Não mede esforços para acabar com alguém e conseguir o que quer. É um homem temido por todos,até mesmo pelo amor. Isabella Swan,conhecida como La Belle ou apenas Bella,tem 24 anos e é prostituta do bordel de James. Uma pessoa considerada fria e sem sentimentos. Foi abandonada pelos pais quando tinha 6 anos. Desde daquele dia não acredita mais no amor. Duas vidas que se encontram apenas em uma noite,mas que pode mudar a vida deles para sempre. Apenas um encontro vai entrelaçar suas vidas pela eternidade....
Classificação: +18
Categorias: Saga Crepúsculo
Personagens: Alice Cullen, Angela Weber, Aro Volturi, Bella Swan, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Demetri Volturi, Edward Cullen, Emmett Cullen, Esme Cullen, Felix, Heidi, Irina Denali, Jacob Black, James, Jasper Hale, Jessica Stanley, Mike Newton, Renée Dwyer, Renesmee Cullen, Rosalie Hale, Tanya Denali, Victoria
Gêneros: Ação, Drama, Hentai, Romance, Tragédia, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Capítulos :  /  /

Capítulo 4


Antony ainda estava deitado em sua cama quando o seu celular tocou, ele o atendeu irritado.

–-Tony precisamos de você aqui no galpão. Temos algo que você precisa ver. – Jasper disse.

–-Ok. – Ele disse desligando o celular.
Ele bufou irritado e se levantou da cama indo para o banheiro. Ele tomou uma ducha,vestiu uma roupa e depois desceu para ir tomar café.

–-Bom dia Sue. – Ele disse dando um beijo na bochecha de Sue,que colocava café na xícara dele.Sue era governanta da casa de Edward. Ela cuida dele desde que era pequeno. Edward se sentou na mesa.

–-Bom dia menino Edward. Vai sair? – Ela perguntou o servindo.

–-Sim. Tenho que resolver algumas coisas. – Ele respondeu bebendo o café.

–-Tome cuidado menino. Sabe como essas coisas ilegais são. – Sue disse de modo carinhoso. Edward assentiu e voltou a tomar o café.

Depois que terminou seu café da manhã,Edward pegou seu paletó e saiu de casa entrando em seu carro e partindo para o deposito.

O galpão ficava em uma estranha deserta para que ninguém da policia ou algum rival seu descobrisse. Quando chegou lá,ele estranhou ao ver todos os seus capangas lá parado. Ele saiu do carro e andou até aonde Emmett estava parado.

–-O que houve aqui? – Ele perguntou tirando seus óculos escuros.

–-Você precisa ver isso. – Edward entra junto com Emmett.

Do lado de dentro parecia tudo normal. Todos os seus carregamentos estavam lá intactos. Não conseguia entender o que havia lá de tão grave. Ao andar mais um pouco se deparou com uma cena que o deixou chocado e extremamente nervosos. Dois de seus capangas estavam mortos. Suas cabeças haviam sido arrancas e uma trilha de sangue terminava na parede aonde tinha uma ameaça escrita com sangue.

–-“Você vai ser próximo”. Então mataram Felix e Demitri? – Ele indagou friamente com seus punhos fechados.

–-Sim. Nós os encontramos assim quando chegamos. – Jasper disse.

–-Você acha que talvez possa ter sido Aro? – Emmett perguntou enquanto Edward olhava para os corpos.

–-Eu tenho certeza. Se ele quer guerra e o que ele vai ter. Mandem alguém limpar essa merda. – Edward disse colocando seus óculos e saindo dali.

Aquela era uma rixa de família que dura muito tempo. Mas Edward tinha o propósito de acabar com aquilo tudo. Só havia uma alternativa, e seria ela matando Aro Volturi.





Bella estava sentada no sofá,quando viu Ângela passar por ali e indo pro quarto. O mais estranho era que ela suspirava. Mas não era um suspiro de cansaço e sim um suspiro que Bella conhecia bem. Era suspiro de quem estava apaixonado. Bella já havia visto isso acontecer com algumas garotas que trabalhava no clube.

–-Por que Ângela esta assim? – Bella perguntou a Jessica.

–-Erick York,empresário rico. Apareceu lá novamente. Você sabe que pra Ângela não é só programa. Ela gosta dele. Ele dessa vez prometeu a ela que a tiraria daquele lugar. Parece que eles estão apaixonados. – Jessica contou.

–-Apaixonados? Jessica você assim como eu sabemos que nessa vida nós não podemos nos iludir com isso. Depois que você entra no ramo da prostituição não tem mais volta. – Bella disse seriamente voltando a olhar para a televisão.


Eram 19:00 h quando Bella se arrumou para ir para o trabalho. Aquela noite iria ser dura. Ela pegou o taxi e foi ate lá. Quando chegou viu que tinha vários homens lá. Alguns eram velhos e pareciam ser bem nojentos.

–-Que bom que chegou. Vá se preparar. – James disse no ouvido dela. Ela assentiu saindo dali e indo para o seu camarim.

Todas as sextas o clube tinha a noite do polidance. Eram 3 canos aonde ficavam três garotas. Elas dançavam em cima do palco chamando a atenção dos homens que ficavam de lá olhando.





Não muito longe dali,Edward ou Antony dirigia seu Audi em alta velocidade pelas ruas escuras daquela parte de Seattle. Gostava de sentir a adrenalina em tomo o seu sistema. Adorava a velocidade. Ele achava aquilo a coisa mais excitante,claro que depois do sexo.

Edward estacionou seu carro em frente ao bordel que tinha letras de neon vermelho escrito “Sex on Fire”. Era o bordel de James.

Antony precisava se aliviar. Estava muito tenso, e Tânia já não conseguia destrai-lo mais. Quando Antony o homem mais temido entrou naquele bordel todos abriram caminho para ele passar.

–-Srº Cullen. Que surpresa vê-lo aqui. – James disse nervoso pela presença de Edward ali.

–-Sem papo fiado James. Eu quero saber qual é o cardápio de hoje. – Edward disse com um tom malicioso.

–-Hoje vai ter o show com as meninas no polidance e você vai poder escolher o seu prato. Por favor venha comigo. – James disse levando Edward até a sua mesa privilegiada de frente para o palco.

–-Eu espero que não demore muito. Não tenho tempo para lero-lero. – Edward disse curto e grosso e James engoli seco.

–-Certo. O show vai começar em 5 minutos. – James disse.

5 minutos se passaram e as três garotos subiram no palco em meio a gritos dos homens e assovios. Uma dessas três era Bella. Ela usava uma mascara assim como as outras. Cada uma se posicionou em um mastro e soou a musica Lady Marmalade. Elas começaram a fazer suas acrobacias.

Edward olhava tudo ali atentamente. Se sentiu estranho ao reparar no corpo de uma delas. Era Bella. Ele se sentia mais excitado do que nunca. De repente o olhar dos dois se cruzam. Sentia como se cabos os puxasse para perto e uma eletricidade estranha passou por seus corpos. Edward estava completamente excitado ao ver aquela morena mascarada fazendo aqueles movimentos no cano. Os olhos de Bella pareciam que não queriam se desgrudar daquele Adônis. Nunca havia visto homem com um tão misterioso como aquele. Era fascinante.

As meninas terminaram de dançar e no final foram aplaudidas. Edward já tinha sua escolha da noite.


Bella voltou para o camarim. Não conseguia tirar aquele par de olhos verdes de sua cabeça. Aquilo só podia ser coincidência demais,mas aquele homem era o mesmo de seu sonho.

–-Parabéns Bella. Ótimo show. – Bella foi tirada de seus pensamentos pela voz cínica de Victória.

–-Obrigado. – Bella respondeu no mesmo tom que ela.

Victória era uma prostituta que trabalhava ali a mais tempo. Algumas pessoas diziam que ela era lésbica,mas a mesma disse que era bissexual. Varias vezes ela dava em cima de Bella. Todos ali sabiam que James comia ela quando ele bem queria.





–-Ficou interessado em alguma? – James perguntou a Antony.

–-A garota de cabelos castanhos. – Ele respondeu e James deu um sorriso satisfeito.

–-Você fez uma ótima escolha. Eu vou busca-la. – James disse.

Ele vai até o camarim de Bella, e abre a porta sem bater. Ela se assusta.

–-Aqui não tem mais porta? – Ela disse sarcástica.

–-Eu não quero saber de seus sarcasmos. Se vista logo. Escolheram você. – James fala.

–-Quem foi dessa vez? O chefe da máfia russa? James eu acho que para o seu bem é melhor escolher bem seus freqüentadores do seu clube. – Bella disse dando um sorriso cínico e James a olha furioso.

–-Vai se fuder Bella. Esteja lá em 5 minutos. – Ele disse irritado saindo e batendo a porta.


Bella terminou de se arrumar e saiu do camarim. Ela encontrou o tal homem misterioso sentado em uma mesa com um copo de wisky na mão. Ela caminhou sensualmente até a mesa dele.

–-Com licença. – Ela disse e Edward a olhou.

Edward estava hipnotizado com aquela morena bonita. Seus olhos passaram pelos seios redondos dela, que apareciam discretamente sob o vestido. Seu olhar foi descendo para a cintura dela e pararam diretamente em suas coxas. Com certeza havia feito uma boa escolha.

–-Olá. – Edward disse dando seu típico sorriso torto.

–-Vamos para um lugar mais reservado? – Bella disse sensualmente mexendo nos cabelos.

–-Claro. – Ele disse pousando o copo na mesa.

Edward se levantou e colocou a mão no dorso das costas de Bella, e levou até o carro. Os dois passaram o caminho todo em silencio. Bella batia os dedos freneticamente em sua perna. Não sabia por quê,mas se sentia nervosa ao estar na presença daquele homem.

Edward dirigia em alta velocidade e em silencio. Ele estava louco só de sentir o cheiro do perfume de Bella. Seu membro já estava ficando apertado dentro da calça. Queria chegar logo naquele motel e saciar seu desejo.

Eles chegaram no motel. Edward saiu do carro primeiro e abriu a porta para que Bella pudesse sair. Pelos menos era um cavalheiro,Bella disse mentalmente. Assim que chegam no quarto,Edward pega Bella pela cintura e a prensou na parede. Ela gemeu com a agressividade.

–-Selvagem? Hum. Eu adoro. – Bella sussurrou no ouvido dele, e depois soprou. Edward rosnou com o ato.

–-Meu nome é Antony e o seu? – Ele perguntou beijando o pescoço dela.

–-Meu nome é Bella. – Ela disse afrouxando a gravata dele.

As mãos de Antony vão parar na barra do vestido de Bella, e o puxou pela cabeça dela e a deixando apenas de lingerie . Ele contempla o corpo perfeito dela. Bella tira os sapatos e os joga em algum lugar do quarto. Bella tira o paletó de Edward e a camisa.

–-Você é muito gostosa. – Ele disse jogando ela em cima da cama.

Bella quica no colchão pelo modo em que foi jogada. Ela ficou apoiada pelos cotovelos olhando aquela imagem dos céus. Ele tira o cinto junto com a calça ficando apenas com sua Box preta da Calvin Clein. Bella mordeu os lábios.

Edward vai até a cama e fica entre as pernas dela, e a beija. Ela não era acostumada a beijar clientes. Mas aquele homem era bonito demais. A língua dos dois travavam uma batalha que não tinha vencedor. Bella estava tão distraída que nem viu quando seu sutiã foi tirado. Quando percebeu Antony já estava com a boca em seus seios, e o sugava como se fosse uma criança esfomeada. Bella puxava os cabelos dele de tamanha excitação. Não demorou muito para que os dois se livrassem das ultimas peças de roupa que os impedia de concluir aquilo que tanto ansiavam.

Antony logo a penetrou, e arqueou-se e urrou. Ela arranhava as costas dele,mas ele não sentia dor. Quando mais alto ela gemia mais forte ele a penetrava. Ficaram nessa dança até gozarem.

Eles não pararam por ai. Fizeram 2,3,4,5,6 perderam as contas. Bella só se lembrou de ver no relógio que já eram 5 da manhã, e logo adormeceu esgotada.

Edward não havia conseguido pregar o olho naquela madrugada. Eles estava deitado de barriga para cima fitando o teto. Quando se virou para o seu lado viu que Bella ressonava tranquilamente. O lençol vermelho tampava apenas seus corpo da cintura pra baixo. Bella se remexeu e seu seio direito estava descoberto. Edward só de ver esse pequeno detalhe ficou excitado novamente.

Edward nunca havia “dormido” ao lado de uma prostituta antes. Ele não entendia o por quê de estar deitado na mesma cama que ela. Ele se sentou na cama e passou a mão no rosto espremendo o nariz. Precisava ir pra casa. Tinha muito trabalho a fazer.

Ele se levantou da cama, e começou a vestir suas roupas. Depois que já estava vestido,pegou sua carteira, e tirou algumas – muitas- notas e depositou no criado mudo ali ao lado da cama. Bella se remexeu na cama, e se virou de bruços. Edward caminhou até a cama e deu um beijo nas costas nuas de Bella,que acabou gemendo. Edward deu um sorriso torto e saiu do quarto.


Eram quase 9 da manhã quando Bella começou a se remexer na cama despertando. Ela abriu os olhos devagar, e se levantou sentando-se na cama. Olhou em volta do quarto a procura daquele homem. Quando olhou no criado mudo viu seu pagamento ali. Ele com certeza havia ido embora. Bella pegou o dinheiro e contou as cédulas. No final ficou de boca aberta ao ver a quantia que havia ali. Era o dobro do que recebia.

Os clientes pagavam a James primeiro e depois pagavam as garotas. O dinheiro que costumavam receber era muito pouco. Mas ali nas mãos dela havia muito mais que 5 programas que ela.

Ela se jogou novamente na cama, e acabou resmungando de dor. Ainda estava exausta e dolorida. Mas era um dor prazerosa. Bella se aconchegou ali na cama e dormiu novamente.......


N/A (Blog IRL) :  O que acharam de mais esse ?? Uau o que dizer ? Começou a esquentar a coisa ? Yeep.. e põe fogo nisso ^^ Finalmente o "encontro tão esperado"...  Foi como vocês esperavam ?? OMG e a bolha que surgiu na boate foi tão.. Awn. Encontros quentes á vista?! Só acompanhar heheh

Aguardamos vocês no capítulo de amanhã e até mais nos coments. 

Bjks e Boa Noite !

Irmandade Robsten Legacy Visite nossa Galeria

2 comentários:

Antes de comentar saiba que:
1. Você pode se Cadastrar com sua rede social para comentar é muito simples. Clique AQUI para saber mais.
2. Comentários, imagens e links ofensivos a Robert, Kristen ou ao trabalho realizado por esse fandom serão deletados e banidos.
2. Evitem usos de palavrões e confusões pois esses comentários serão deletados e colocados na lista de SPAM.
3.Links de sugestão de máterias por favor enviem para irmandaderobsten@hotmail.com ou no nosso chat.