segunda-feira, 14 de abril de 2014

Fanfic "Desire And Crime"- Capítulo 6




Autora: Larissa Hale (Nyah / Larissa)
Sinopse: Edward Cullen conhecido como Antonny, é chefe da Cosa Nostra Americana com apenas 28 anos. Homem impiedoso. Não mede esforços para acabar com alguém e conseguir o que quer. É um homem temido por todos,até mesmo pelo amor. Isabella Swan,conhecida como La Belle ou apenas Bella,tem 24 anos e é prostituta do bordel de James. Uma pessoa considerada fria e sem sentimentos. Foi abandonada pelos pais quando tinha 6 anos. Desde daquele dia não acredita mais no amor. Duas vidas que se encontram apenas em uma noite,mas que pode mudar a vida deles para sempre. Apenas um encontro vai entrelaçar suas vidas pela eternidade....
Classificação: +18
Categorias: Saga Crepúsculo
Personagens: Alice Cullen, Angela Weber, Aro Volturi, Bella Swan, Carlisle Cullen, Charlie Swan, Demetri Volturi, Edward Cullen, Emmett Cullen, Esme Cullen, Felix, Heidi, Irina Denali, Jacob Black, James, Jasper Hale, Jessica Stanley, Mike Newton, Renée Dwyer, Renesmee Cullen, Rosalie Hale, Tanya Denali, Victoria
Gêneros: Ação, Drama, Hentai, Romance, Tragédia, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Capítulos :  /  /  /  /

Capítulo 6

1 semana se passou desde o encontro de Bella e Edward. As coisas corriam em seu curso normal. Edward continuava com seu negócios ilícitos e Bella continuava com seu programas ganhando o mesmo dinheiro de sempre. O dinheiro não era pouco,mas Bella queria mais que aquilo. Os dois nunca mais se viram novamente. Edward andava ocupado demais. Havia indícios de ter um outro traidor na máfia. Ele estava a todo o vapor para descobrir quem era, e acabar com a vida do filho da puta. Quando queria sexo procurava por Tânia.
Ângela havia se mudado do apartamento. Finalmente Erick York havia tirado ela daquela vida. Agora só viviam apenas Jessica e Bella. As duas conseguiam segurar as pontas por enquanto.

–- Ângela me ligou ontem. – Jessica comentou enquanto pintava as unhas.

–-E o que ela disse? – Bella perguntou enquanto lia uma revista.

–-Ela disse que esta bem. Erick a trata muito, e já a pediu em casamento. Ela disse que qualquer dia desses vai vir nos visitar. Ela deu sorte. Nesse ramo é muito difícil você encontra um amor. – Jessica disse e Bella ficou em silencio.



Antony como sempre estava enfurnado em seu escritório. Ele agia como um robô ou então como uma pessoa de mais idade. Edward nunca havia dado um sorriso verdadeiro depois que sua mãe morreu. Os sorrisos que dava para sua família não chegavam ao seus olhos.

Jasper entrou no escritório de Edward sem bater. Edward olhou pra ele pedindo explicações o por quê daquele ato. Uma coisa que ele não gostava era de ser interrompido. A única coisa que Jasper fez foi se sentar na poltrona e olhar para Edward.

–-Tem algo na minha cara? – Edward disse carrancudo.

–-Edward,Alice já marcou a data do casamento. – A expressão de Jasper era hilária.

–-Jasper vocês namoram a 7 anos e você a pediu em casamento. Pois então agüente. – Edward disse.

–-Você não entende. Alice esta me enlouquecendo. – Jasper diz apavorado.

–-E quanto é o casamento? – Ele perguntou.

–-É daqui a 6 meses. – Jasper diz suspirando.

–-Jasper meu amigo,você esta ferrado. Agora levante essa bunda branca da minha poltrona e vá até Alice e tome as rédeas da situação. Agora tchau. – Edward leva jasper pra fora do escritório e fecha a porta na cara do cunhado.

Edward sabia o quanto a pequena Alice podia ser irritante. Ela tinha um gênio bem forte. As vezes ela conseguia convence-lo apenas com seus pequenos olhos brilhante. Alice era totalmente diferente de Rosálie. A outra irmã era mais decidida. Tinha um gênio muito mais forte do que o de Alice. Rosálie conseguia ser bem malvada quando queria.





Era sábado. Para Bella mais um dia de trabalho. Jessica já havia ido. A pobre coitada chegava a atender de 4 a 5 clientes por noite. Enquanto Bella no Maximo 3. Ela era a pedra preciosa de James. Todos a queriam e para isso pagavam o preço que fosse para passar ao menos 2 horas com a doce Bella. Quem saia ganhando com tudo isso era James. Bella tinha seus privilégios ali, e isso acarretava rixa entre as outras garotas.

Quando Bella chegou viu que Jessica já estava começando seu trabalho. Bella trocou de roupa e foi direto pro bar aonde ela conseguia seus melhores alvos.





Edward estava cansado. Depois que saiu do escritório foi direto pro bordel de James. Ele queria a morena novamente. Chegou lá e James logo apareceu. Edward disse a James quem ele queria pra aquela noite.

–-Bella esta ocupada agora. Ela esta no bar com outro cliente. – James explicou.

–-Eu estou pouco me fudendo pra com quem Bella esteja agora. Eu só sei que a quero aqui e agora em 5 minutos. – Edward sibilou irritado para James.

–-Eu já vou busca-la. – James sai dali.



Bella estava no bar conversando animadamente com um cara bonito,jovem,rico e muito sexy. O tipo de cara que ela gostava. O homem colocava a mão na coxa desnuda de Bella. O short que ela usava mal tampava sua coxa. Ela ria das coisas sujas que o homem sussurrava em seu ouvido.

–-Bella preciso que venha comigo. – James chega interrompendo a conversa dos dois.

–-James você não esta vendo que eu estou conversando com esse jovem lindo? – Bella diz dando uma piscada de olho para o homem.

–-Eu tenho certeza que seu acompanhante vai aproveitar a presença de outras lindas moças. Agora eu preciso que venha comigo. – James diz entredentes. Bella dá um beijo no lóbulo da orelha do homem e sai dali com James.

James era um chato. Bella pensou. O homem no bar era um tremendo gostoso. Ela iria se dar aquela noite. Mas James tinha que estragar tudo. Bella seguiu James até uma mesa. Ela não sabia quem era,já que o cliente estava de costas.

–-Srº Cullen aqui esta ela. – James diz.

Bella paralisou ao ver quem era o tal homem. Era Antony novamente com aqueles olhos penetrantes, e que deixava qualquer mulher com as pernas bambas.

–-Vamos Bella. Eu já resolvi com você James. – Antony diz a James que assenti com a cabeça.

Antony saiu dali com Bella. Ele tomava um trajeto diferente. Pra onde será que ele iria leva-la?

–-Nós vamos a um motel? – Ela perguntou curiosa.

–-Não. Vamos pra minha casa. – Ele disse em seu tom frio de sempre. Bella se surpreendeu com isso.

Ele dirigia em silencio até chegar em sua casa. Não sabia de onde havia tirado essa idéia de levar uma prostituta pra sua casa,mas agora não havia como voltar atrás. Bella ficou com a boca aberta ao ver o tamanho daquela mansão. Era enorme, e era bem protegida por sinal. A casa de Edward era bem protegida. Cheia de sistemas de segurança.

Edward entrou em sua propriedade e estacionou o seu carro em frente a casa. Ele saiu do carro e depois abriu a porta para Bella. Ela estava com as pernas tremulas de tanto nervoso. Edward entrou em casa. Bella estava ainda mais impressionada com a parte interna da casa. Era muito mais bonito.

–-Sua casa é muito bonita. – Ela disse olhando para todos os lados.

–-Obrigado. Quer beber alguma coisa? – Ele perguntou caminhando até o mini-bar.

–-Wisky com gelo. – ela diz. Ele coloca gelo e depois Wisky em um copo e entrega a Bella.

Ela bebia sua bebida bem devagar. Edward observava todos os seus movimentos. Cada pequeno gesto que ela fazia era o bastante para deixa-lo mais excitado do que já estava. Era extremamente sensual.

–-Então você mora nessa casa enorme sozinho? – Ela indagou lambendo seus lábios de um jeito sexy.

–-Sim. Eu não vejo necessidade de ter alguém aqui além de mim. Além do mais as pessoas tem medo de mim. – Edward diz com um sorriso zombateiro, brincando com o gelo em seu copo.

Bella se levanta e anda até ele. Ela para atrás dele.

–-por que será? Será que é por quê você é o chefe da máfia? Ou por quê você é um homem frio? Mas a sua melhor qualidade é ser selvagem enquanto me fode. – Bella sussurrou no ouvido dele. Ele tomou o ultimo gole de sua bebida e olhou pra Bella.

–-Então você gosta quando eu sou selvagem? Acredite eu posso ser pior. – Ele disse enquanto chupava o pescoço de Bella. Ela gemia em resposta. Bella de repente se afasta dele, e ele a olha confuso.

–-Que tal se a gente continuar isso no quarto,Tony? – Ela diz de uma modo sensual.

Edward estava quase explodindo de tesão. Seus olhos faiscavam luxuria. Edward pegou Bella pelo braço sem se importar se estava machucando –a ou não e a arrastou escada a cima em direção ao seu quarto . Ele abriu a porta do quarto e jogou Bella em cima da cama. Ela quicou no colchão. Ele só queria fazer sexo.

Bella continuava deitada em cima da cama enquanto via Edward se despir de todas as suas roupas. Quando ele ficou totalmente nu,ele massageou seu membro ereto. Bella ficou extremamente molhada só de ver aquele homem másculo se tocando em sua frente. Edward parou de se masturbar e foi até a Bella. Ele começou a tirar os sapatos dela devagar. Ele passou as mãos pela coxa dela. Não podia ir mais longe por causa do short que atrapalhava. Mas não por muito tempo.

–-Porra por quê você esta de short e não de vestido? – Ele rugiu.

–-Eu não sabia que você iria me procurar novamente,porque se eu se eu soubesse eu colocaria um vestido bem colocado e sem calcinha. – Ela disse provocativa e Edward rosnou.

Em um ato selvagem Edward rasgou a blusa de Bella deixando seus seios a mostra. Os olhos de Edward brilhavam. Ele passou a mão de leve, e os bicos dos seios dele ficaram duros. Edward desceu sua mão até a barriga de Bella e desceu até o short. Ele estava com tanta pressa que acabou arrancando os botões do short dela.

–-Uau você esta selvagem hoje. – Ela gemeu.

–-Oh você ainda não viu nada. – Ele disse. Em questão de milésimos Edward puxou os dois lados da calcinha de Bella a rasgando.

Quando Edward ia penetra-la,ele se lembrou de algo fundamental. Ele saiu de cima dela, e foi até a gaveta de seu criado-mudo e pegou uma camisinha. Ele rasgou a embalagem nos dentes e envolveu o preservativo em seu membro e penetrou Bella sem dó nenhuma. Ela de imediato soltou um grito. Mas não era de dor e sim de prazer.

Edward penetrava Bella com selvageria. Ela não conseguia raciocinar direito. Ela revirava os olhos e pensava que tipo de homem era aquele. Como ele conseguia fazer aquilo com ela?

Já eram 4 da manhã quando eles finalmente pararam para descansar. Os dois não dormiram,apenas ficaram deitados um do lado do outro olhando para o teto em silencio.

–-Então, por que um homem bonito como você precisa de uma prostituta? Você pode ter a mulher que quiser. – Bella perguntou se apoiando no cotovelo, e fitando Edward. Ele virou para observa-la.

–-Bem, eu gosto de inovar. Eu não quero me prender a ninguém. Amor é perda de tempo. – Edward respondeu indiferente.

–-Concordo com você. – Ela diz sorrindo. Os dois ficaram em silencio novamente.

–-Bem agora eu preciso ir. – Ela diz se levantando.

–-Não. Você não vai. Eu paguei pelo fim de semana. – Edward diz rudemente e Bella o olhou com os olhos arregalados.

–-Como assim o fim de semana? – Ela disse surpresa.

–-Sabado e domingo. E podemos começar agora. – Ele a pega pela cintura e volta a beija-la.

Edward acordou as oito da manhã em ponto. Se levantou nu e foi até o banheiro. Precisava de um banho. Quando terminou, voltou para o quarto,viu que Bella ainda dormia. Ele havia dado uma canseira nela. Edward saiu novamente do quarto,porque precisava fazer umas ligações. Precisava resolver alguns problemas e arrumar roupas novas para Bella vestir,já que ele havia rasgado todas na noite passada. Ele só teve uma alternativa. Ligar pra sua irmã Alice. Mas ele sabia que ela iria enche-lo de perguntas.

Meia hora depois a baixinha apareceu lá com as sacolas. Ela fez uma serie de perguntas. Edward teve que praticamente expulsa-la. Eram nova da manhã quando Bella começou a despertar. Quando ela abriu os olhos viu que Edward estava lá parado com os braços cruzados e os olhos grudados nela.

–-Que horas são? – Ela perguntou coçando os olhos.

–-São 9:15 h. vista-se para tomar café. – Ele disse ainda com os braços cruzados em frente ao peito. Sua voz era em tom de comando.

–-Mas eu não tenho roupa. – Ela respondeu com a voz rouca.

–-Eu já cuidei disso. O banheiro é ali. Eu vou espera-la lá embaixo. Não demore. – Edward diz saindo do quarto.

Bella se levantou da cama e viu umas sacolas na cadeira. Ela as pegou, e viu que eram roupas. Pareciam ter sido compradas recentemente,já que estava com a etiqueta de nova. Bella ficou surpresa. Tinha até roupas intimas. Bella escolheu uma roupa simples,que era um short jeans,um chinelo, e uma blusa com o desenho de um lobo. Ela escolheu a roupa e foi pro banheiro tomar banho. Ela entrou no Box e tomou seu banho. Lavou bem os seus cabelos. Depois de alguns minutos ela sai já vestida e com os cabelos molhados. Ela escutou o som do seu celular tocar dentro de sua bolsa. Ela o pegou e viu que era Jessica. Ela devia estar preocupada já que Bella não havia dado noticias.

–-Alô? – Bella atendeu.

–-Bella! Aonde você esta? – Jessica disse esbaforida.

–-Desculpa por não te dar noticia Jessica. Eu estou na casa de um cliente é só volto no domingo a tarde. – Bella explicou.

–-Como assim na casa de um cliente? – Jessica exclamou.

–-Depois eu te explico com calma. Eu tenho que desligar agora. tchau. – Bella diz desligando o telefone.

Ela prendeu os cabelos molhados em um rabo de cavalo e desceu. Ela encontrou Antony sentado na cadeira. Ele parecia espera-la mesmo para o café.

–-Desculpe o atraso. – Ela murmurou.

–-Ok. Sente-se e coma. – Ele disse tomando café.

Bella ficou em silencio e tomou o café. Antony com certeza era um homem bonito. Mas por que vivia ali sozinho? Bella havia descoberto que ele tinha família. Ela pode perceber que os dois eram semelhantes em alguns aspectos, e um deles era a solidão. Por mais que houvesse pessoas que os amasse,ainda sim não era o bastante. Sempre iria faltar alguma coisa.



O fim de semana havia chegado ao fim. Bella havia o fim de semana inteiro dentro daquele quarto. Só saia para tomar as refeições. Passava o dia todo satisfazendo os desejos de Antony. E eram muitos. Era domingo a tarde quando ele a pagou pelos dias que ela havia ficado ali. Os olhos de Bella brilharam ao ver a quantidade de notas que havia ali. Ele até a levou pra casa. Quando chegou em casa Bella viu que Jessica não estava mais,então Bella deu comida a sua gata e depois foi pro quarto. Ela estava muito cansada,por isso logo que deitou na cama adormeceu.

Bella dormiu naquele dia como se nunca tivesse dormindo na vida. Se não estivesse respirando,podia se considerar morta. Ela viu que para suprir as necessidades daquele mafioso não era pra qualquer. Mas uma coisa ela não tinha duvida ele sabia satisfaze-la como ninguém...

N/A (Blog IRL) :  O que acharam de mais esse ?? E depois de dias no pause eis que o fogarel retorna haha Quem já estava contando voando na leitura pro reencontro desses 2 ? \o/ \o/ OMG e ele a levou pra sua casa... devemos encarar como algo importante ? sim ou claro ? Uiuiu e quanta conversinha suja... Selvageria pelo findi inteiro... Para saber de tudo o que ainda aguarda esses 2 só acompanhar heheh

Aguardamos vocês no capítulo de amanhã e até mais nos coments. 

Bjks e Boa Noite !

Irmandade Robsten Legacy Visite nossa Galeria

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Antes de comentar saiba que:
1. Você pode se Cadastrar com sua rede social para comentar é muito simples. Clique AQUI para saber mais.
2. Comentários, imagens e links ofensivos a Robert, Kristen ou ao trabalho realizado por esse fandom serão deletados e banidos.
2. Evitem usos de palavrões e confusões pois esses comentários serão deletados e colocados na lista de SPAM.
3.Links de sugestão de máterias por favor enviem para irmandaderobsten@hotmail.com ou no nosso chat.